Você Acredita em uma Verdadeira Amizade Entre Cães e Gatos?

Os humanos dizem que existe uma eterna rivalidade entre cães e gatos, e muitos acreditam que esses animais não possam conviver sob o mesmo teto sem tentar se matar! Mas na verdade os cães e os gatos podem ter uma convivência amigável e não somente se tolerarem, mas podem ser mesmo grandes amigos e companheiros! No cinema, nas novelas, seriados, propagandas, desenhos animados e muitos outros lugares, vemos que cães e gatos são sempre colocados na posição de inimigos mortais. Mas será que essa inimizade é verdadeira ou os humanos contribuíram um pouco para isso?

De onde vem a rixa entre cães e gatos

A eterna briga entre cães gatos não existe na verdade. Ao contrário do que a grande maioria das pessoas pensa, cães e gatos não são inimigos naturais e esse ódio não existe em verdade. O que acontece é que os cães são predadores naturais, e isso os faz caçar. Eles caçam qualquer animal de menor porte, inclusive os gatos.

caes-gatos-amigos

Os gatos, por sua vez, também predadores, nem sempre se intimidam com os cachorros, e muitos atacam os cães. Essa é uma briga por espaço, afinal, ambas espécies querem ter o domínio do seu território, e quando há alguma ameaça eles atacam.

As pessoas contribuíram para que a rixa de cães e gatos se tornasse notória, seja pelas publicações onde os dois estão sempre em pé de guerra, ou então por incitar essa briga, fazendo o cachorro atacar o gato que entra no quintal, por exemplo, ao invés de inibir esse comportamento agressivo.

amizade-caes-gatos

Cães e gatos sob o mesmo teto

Para as pessoas que gostam tanto de cães como de gatos, é possível ter os dois debaixo do mesmo teto e dividindo espaço. Os cães são predadores naturais do gato, e por isso, podem aprender a conviver com eles sem riscos de um dia o instinto falar mais alto. Desde que os cães e gatos se acostumem de que o espaço é dividido, entre eles não haverá disputas, e assim não haverá brigas.

É mais fácil fazer cães e gatos acostumarem com a presença um do outro quando eles ainda são filhotes. Adquirindo o gato e o cachorro ao mesmo tempo, eles vão crescer juntos e formar uma família, ou um bando. Porém, mesmo para animais mais velhos ou já adultos, é possível fazer com que convivam em harmonia e sem brigas. Mas para isso, é preciso tomar alguns cuidados para que não aconteçam acidentes entre eles.

animais-estimação

Como fazer cães e gatos adultos se acostumarem um com o outro

Se você já tem um cachorro e agora deseja um gato, ou vice versa. É preciso, antes de soltar os dois no mesmo ambiente, fazer com que se acostumem um com o outro. Isso é feito colocando o gato numa caixa transportadora e o cachorro numa guia.

Colocando o gato na caixa você inibe o seu instinto de fugir do cachorro, e colocando o cão na guia tem mais controle sobre o animal. Nessa situação, apresente um ao outro. O cachorro vai ficar curioso e querer cheirar o gato, até aí tudo bem, mas não permita que o cachorro demonstre seu instinto de caçador. Iniba o comportamento agressivo, mesmo que ele esteja apenas rosnando ou mostrando os dentes para o gato. Seja firme ou provoque uma situação que seja desagradável para o cão e ele entende que não deve atacar o gato.

Tenha paciência com os dois, e depois que o cachorro perder o interesse pelo gato, você pode tirar o bichano da caixa. Mas ainda não os deixe sozinhos. É interessante manter o cachorro na guia e somente depois de ganhar muita confiança, solte-o também.

Fique de olho e ralhe com o cachorro para qualquer atitude agressiva e caso o gato é quem ataque o cão também tome uma atitude, mas apenas se o gato atacar.

Depois de algumas horas eles estarão acostumados um com o outro, mas em alguns caso mais difíceis isso pode levar semanas ou meses, por isso, fique de olho, e nunca estimule nenhum comportamento agressivo entre os dois.

Eles podem ser amigos, só precisam de uma ajudinha!

SHARE

NO COMMENTS